Outro incêndio destrói casa no Bairro São Cristóvão em Três Barras

Combate as chamas contou com as equipes de Bombeiros de Canoinhas e Três Barras

Por Redação 19/11/2019 - 11:26 hs
Foto: Divulgação/CMB
Outro incêndio destrói casa no Bairro São Cristóvão em Três Barras
Registro do local do acidente.

                Os bombeiros de Canoinhas e Três Barras combateram um forte incêndio registrado na noite desta segunda-feira, 18, no Bairro São Cristóvão. Uma casa abandonada foi tomada pelas chamas. A estrutura ficou completamente destruída. A ocorrência foi registrada por volta das 23 horas. Ninguém ficou ferido. Esse foi o segundo incêndio no bairro em menos de 24 horas.

                De acordo com a corporação, o incêndio atingiu uma estrutura localizada às margens da Rua Adão Santarém, nº 80, no bairro São Cristóvão.

Tratava-se de uma residência de construção mista, com área total de aproximadamente 30 m² em fase de crescimento, sem vítimas, onde atingia um cômodo com estoque de madeiras. O material altamente inflamável possibilitou um rápido alastramento do fogo.

Não foi possível identificar o proprietário e segundo informações de populares ninguém residia na casa, que não possuía móveis ou energia elétrica.

Os bombeiros montaram uma linha de ataque as chamas e o uso do mangotinho, sendo utilizado cerca de 1000 litros de água para combate e rescaldo.

4 viaturas trabalharam no incêndio.

Outro caso:

Outra casa de aproximadamente 40 metros quadrados foi atingida por um incêndio na tarde desta segunda-feira, 18, na rua Eugênio dos Passos, no distrito de São Cristóvão, em Três Barras, e mobilizou bombeiros de Canoinhas e Três Barras. A equipe de Canoinhas chegou primeiro no local com o caminhão ABTR-124, por causa da proximidade. Logo em seguida, chegaram duas equipes de Três Barras com o caminhão ABTR-79 e a viatura ASU-460.

De acordo com a corporação, o fogo que atingia a casa de alvenaria já estava em fase de desenvolvimento completo, porém, sem vítimas. Nos fundos da casa, havia outra residência de madeira de aproximadamente 15 metros quadrados, que não foi atingida pelo incêndio por causa da ação rápida dos bombeiros.