10 de outubro Canoinhas tem etapa do Projeto Palco Giratório

Por REDAÇÃO VC COM 09/10/2019 - 09:04 hs
Foto: Ilustração
Trata-se do premiado espetáculo "Traga-me a cabeça de Lima Barreto", com a Cia dos Comuns (RJ/BA). A entrada é gratuita e a classificação etária é de 14 anos. A peça dura 1 hora e será realizada na SBO.

Sinopse: TRAGA-ME A CABEÇA DE LIMA BARRETO Inspirada livremente na obra de Lima Barreto (13/5/1881*1/11/1922), especialmente em Diário Íntimo e Cemitério dos vivos, “Traga-me a cabeça de Lima Barreto” é um monólogo teatral, com interpretação de Hilton Cobra, autoria de Luiz Marfuz e direção de Fernanda Júlia, que reúne trechos de memórias impressas em suas obras, entrecruzadas com livre imaginação. O texto fictício tem início logo após a morte de Lima Barreto, quando eugenistas exigem a exumação do seu cadáver para uma autópsia a fim de esclarecer “como um cérebro inferior poderia ter produzido tantas obras literárias - romances, crônicas, contos, ensaios e outros alfarrábios - se o privilégio da arte nobre e da boa escrita é das raças superiores?”. A partir desse embate com os eugenistas, a peça mostra as várias facetas da personalidade e da genialidade de Lima Barreto, sua vida, família, a loucura, o alcoolismo, sua convivência com a pobreza, sua obra não reconhecida, racismo, suas lembranças e tristezas.