Ministério da Agricultura autoriza comercialização de mariscos de Santa Catarina com outros estados

Os estabelecimentos com Serviço de Inspeção Federal (SIF) podem comercializar seus produtos normalmente

Por Redação 21/05/2018 - 14:30 hs
Foto: Epagri
Ministério da Agricultura autoriza comercialização de mariscos de Santa Catarina com outros estados
Divulgação

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) voltou a autorizar, nesta sexta-feira, 18, a venda de moluscos produzidos em Santa Catarina para outros estados. Os estabelecimentos com Serviço de Inspeção Federal (SIF) podem comercializar seus produtos normalmente. 

Como a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) retomou as análises microbiológicas dos moluscos bivalves, o Mapa autorizou o recebimento de ostras e mariscos nos estabelecimentos com SIF. Ao todo, a Cidasc acompanha 27 pontos de maricultura no Estado e as análises voltaram a ser feitas na última segunda-feira, 14.

Segundo o secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, Airton Spies, a normalização das análises microbiológicas traz um alívio para os maricultores e segurança para as indústrias e consumidores. Uma vez que todas as condições necessárias para a inspeção federal estão sendo atendidas.

Os primeiros resultados das análises microbiológicas indicaram que são seis áreas totalmente liberadas para a comercialização dos moluscos pelos produtores para as indústrias com SIF: São Miguel, Sambaqui, Freguesia do Ribeirão, Ganchos de Fora, Fazenda da Armação e Costeira do Ribeirão. E três áreas liberadas sob condição, ou seja, os moluscos devem passar por tratamento térmico ou depuração: Ponta do Papagaio, Caieira da Barra do Sul e Praia do Cedro. 

O monitoramento é continuo e os resultados das análises microbiológicas podem ser acompanhados no site da Cidasc.