Chico Mineiro cobra reabertura de unidade do Hemosc

Vereador relatou dificuldades no deslocamento de doadores até Joinville

Por REDAÇÃO 13/12/2017 - 16:51 hs
Foto: Reprodução/Internet
Chico Mineiro cobra reabertura de unidade do Hemosc
ILUSTRAÇÃO

            O vereador Chico Mineiro (PR) utilizou o momento de explicações pessoais da sessão desta segunda-feira, 11, para cobrar a reabertura da unidade do Hemosc de Canoinhas, oficialmente fechada desde o dia 29 de dezembro de 2016. Segundo o vereador, os voluntários da Associação de Doadores de Sangue da Região de Canoinhas (Adosarec) têm enfrentado dificuldades para se deslocar até Joinville, local onde realizam a doação atualmente.

            Chico Mineiro relatou que, na última semana, doadores da localidade da Serra das Mortes se deslocaram com o ônibus da associação até Joinville. Durante o trajeto de ida, o veículo apresentou suas primeiras falhas porém os doadores conseguiram chegar ao destino. Na volta, no entanto, o ônibus parou de funcionar em Mafra, e os voluntários contaram com o auxílio da empresa Canoinhas Turismo e da Prefeitura Municipal para retornarem à localidade. “A gente fica indignado com essas coisas [...] São 22 pessoas que não mediram esforços para fazer essa caridade, que não teriam a necessidade de passar por isso, e agora vai completar um ano que recebemos o ofício fechando o Hemosc”, lamentou.

            Apesar de acreditar que este ano não ocorrerá a reabertura da unidade, o vereador Paulinho Basílio (PMDB) afirmou que seguirá buscando pelo retorno do Hemosc ao município. “Nós vamos seguir cobrando cada vez mais firmemente”, afirmou.          

            A vereadora Norma Pereira (PSDB) informou que o Secretário de Estado de Saúde, Vicente Caropreso, enviou ofício em resposta a requerimento de toda a edilidade aprovado em outubro, repassando informações sobre os trâmites para a instalação da agência transfusional do Hemosc em Canoinhas. Segundo Norma, o documento informa que o processo encontra-se em análise jurídica, aguardando parecer. Caso favorável, será ainda necessário cumprir outras exigências administrativas e receber a aprovação de órgãos como a Secretaria de Estado da Saúde e a Secretaria de Estado de Planejamento para que a unidade seja instalada.

 

A vereadora ainda informou que, em Canoinhas, o Hospital Santa Cruz já disponibilizou o espaço para abrigar a unidade, bem como a planta baixa, desenvolvida por engenheiros cedidos pela prefeitura municipal.